PRIORIDADES

Eu costumo dizer que não é complicado desfraldar filho. Difícil mesmo é não REFRALDAR. Além dessa conclusão pessoal, acrescento que os filhos podem desfraldar, refraldar, desfraldar novamente, fralda do dia, da noite e, ainda assim, não aprendem a dar a descarga. Eles aprendem a fazer as devidas necessidades na privada, até lavam as mãos, mas o negócio todo permanece lá na privada. Meninos e meninas. Não sei se é uma pegada eco-sustentável, planejamento financeiro/economia doméstica, mas sei que, TODOS OS DIAS, lá pela hora do almoço, ando pela minha casa, passo por todos os banheiros e todas as privadas estão amarelinhas, falando no modo otimista. Já conversei taaaanto sobre isso, ameacei não dar a sobremesa para quem não der descarga, mas assim é que tem sido.

*****

No final do ano passado, eu já preocupada com um assunto dos meninos, fui chamada na escola para uma reunião “extraordinária” e descobri que não estava enlouquecendo à toa: o mesmo problema que me preocupava, preocupava também a atenciosa professora. A questão tratava da fala dos meninos. Eles cometem algumas trocas quando se expressam, tudo natural, comum e até esperado para a idade deles. Porém, quando não são compreendidos e alguém pergunta “o que você falou?”, eles se inibem, travam e não falam mais.

Era caso de indicação de terapia com uma fono, não pela idade, mas por essa questão de comunicação, do social e tal. Eu queria – a qualquer custo! – que o Joaquim e o Pedro iniciassem as sessões com a fono em dezembro, o que me rendeu o apelido de “louca-exagerada-neurótica-maluca”, afinal de que adianta fazer umas duas sessões de fono em dezembro, daí vem as férias e tudo o que foi trabalhado é perdido ou esquecido? Fiquei sem dormir, insisti horrores, convenci a todos de que o caso era gravíssimo e que precisava de intervenção imediatamente.

Os meninos não falavam a letra “L”. BOLA era BÓIA, MANUELA era MANUEIA, LÁPIS era IÁPIS e assim por diante.

Venci a batalha e agendei as sessões com a fono em dezembro mesmo, exatas duas sessões. Na primeira delas, exatos 45 minutos depois, eles aprenderam a falar o “L”. BOLA é BOLA, MANUELA é MANUELA, LÁPIS é LÁPIS  e não houve tempo de férias suficientes para “estragar” o trabalho da fono.

*****

Quarenta e cinco minutos para aprender a falar. Dois anos e não aprenderam a dar descarga.

Dê sua opinião também » 10 já comentaram.


  • Andressa Sabino

    Isso é verdade Camila, meu filho está com 5 anos e 8 meses e luto todos os dias com dois problemas, um para ir fazer xixi no banheiro á tempo de não molhar a cuequinha e a outra de não usar fraldas á noite para dormir. Não sei mais o que fazer….sugestões? Grande beijo.

  • Renata Senlle

    Acabei de escrever sobre minhas preocupações iniciais a respeito do desfralde e você vem me animar com essa outra fase…ai, ai, ai! Rsrsrs
    Bj
    Rê Senlle
    http://umavidamaisordinaria.blogspot.com

  • http://www.facebook.com/natalialippolis Natalia L. P. Almeida

    hahahahah… aqui em casa dou minhas olhadinhas e vejo o amarelinho pelos vasos sanitários da casa… Até no banheiro da empregada vou, e não é por falta de instrução!
    Parabéns pela iniciativa da fono, e um brinde às mães ansiosas como eu! kkk

    Em meio a tantos blogs de maes ativistas querendo aparecer, você me brinda com textos agradáveis e inteligentes! Bjs.

  • Lulli Lucena

    hahahhaha…e nada de darem descarga =)

  • Mãe da Cabeça aos Pés

    Muito bom!!! Eu jurava que era porque Léo não alcança…. TInha esperanças dele crescer e… Já vi tudo!!! Beijos sua sumida!!!!

  • Maria Thereza Pinel

    Meu irmão tem 22 anos e poucas vezes dá descarga! Pelo menos só vi amarel(ões)!

    E que bom que a questão do L foi resolvida! Ponto para a “mãe neurótica”, né? =D

    A gente sempre sabe o que faz.
    Menos quando se trata da descarga….

  • carolina_vilar

    Eu sou uma mãe neurotica. E eu não pretendo mudar.
    Quanto a descarga aqui em casa é o contrário, o Brunão dá descarga demais. Em compensação … Não abaixa a tampa da privada!
    PS: Sempre amo ler você!
    Beijocas.

  • Fernanda

    Oi, Camila, conheci seu blog hoje e estou adorando…
    Aqui em casa meus dois meninos já estão desfraldados também e o sufoco é para pararem de dar descarga, o pequeno imita o mais velho que adora dar descarga e dar tchau para o que tiver dentro do vaso… Consciência ecológica passou longe deles, todo dia “não vamos desperdiçar a água do nosso planeta” é o bordão da descarga apertada 3 vezes seguidas…

    Beijos,

    Fernanda

    http://www.meumundoverdeazul.blogspot.com.br

  • Luciana Azevedo

    Adorei o Post! :)

    Aqui Nic adora dar descarga, pelo menos isso. Mas roupa, quando tira, deixa no chão.

    Nao adianta, mae sempre tem trabalho.

    E que legal esse negocio da fono, hein? 45 min? Uau!

    Beijos!

  • Andrea Nascimento Estorino

    Ola descobri seu blog agora, estou me decidindo entre ter ou nao o quarto filho. Achei seu blog muiiiiiiiito engracado afinal 45 minuto pra aprender falar o L e Dois anos e não aprenderam a dar descarga.
    KKkkkk amei